2018

Sugestões de Ações/Projetos para o Plano de Atividades para 2018.

Conforme a necessidade de seu CRE, escolha uma ou várias ações da listagem abaixo:

ÁREA DA INFÂNCIA

1.UNIDADE RESPONSÁVEL: COINF

AÇÃO/PROJETO 1: CURSO BÁSICO PARA EVANGELIZADORES DA INFÂNCIA
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar os candidatos ao trabalho junto à Evangelização Infantil.
CARGA HORÁRIA: 14 horas
PÚBLICO ALVO: Candidatos ao trabalho junto à Evangelização Infantil, indicados pela direção da Casa Espírita.

2.UNIDADE RESPONSÁVEL: COINF

AÇÃO/PROJETO 2: OFICINAS PEDAGÓGICAS
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar, continuadamente, o Evangelizador, o Coordenador de Grupos de Pais, Dirigentes de Casas Espíritas e da Evangelização Infantil, bem como todos os envolvidos no processo de ensino e aprendizagem na Evangelização Espírita da criança de 0 a 12 anos.
CARGA HORÁRIA: 4 a 6 horas
PÚBLICO ALVO: Evangelizador, Coordenador de Grupos de Pais ou da Família, Dirigentes de Casas Espíritas e da Evangelização Infantil, bem como todos os envolvidos no processo de ensino e aprendizagem na Evangelização Espírita da criança de 0 a 12 anos.

3.UNIDADE RESPONSÁVEL: COINF

AÇÃO/PROJETO 3: VISITAS ORIENTADORAS
DIRETRIZ- 4: A ADEQUAÇÃO DOS CENTROS ESPÍRITAS PARA ATENDIMENTO DE SUAS FINALIDADES
OBJETIVO: Dialogar estimulando a implantação, orientando e esclarecendo dúvidas acerca da Estrutura e Organização e da Manutenção das Atividades de Evangelização Infantil junto aos CREs, Casas e Núcleos Espíritas.
CARGA HORÁRIA: 4 a 6 horas
PÚBLICO ALVO: Dirigentes de CREs, Evangelizadores, Coordenadores de Grupos de Pais ou da Família, Dirigentes de Casas Espíritas e da Evangelização Infantil, bem como todos os envolvidos no processo de ensino e aprendizagem na Evangelização Espírita da criança de 0 a 12 anos.

ÁREA DA JUVENTUDE

4.UNIDADE RESPONSÁVEL: COJUV

AÇÃO/PROJETO 1: INCLUSÃO NA CASA ESPÍRITA: UM DESAFIO DE AMAR AINDA MAIS
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVOS:
1- Sensibilizar quanto à importância e necessidade da inclusão no movimento espírita
2- Agregar novos valores as pessoas com deficiência que frequentam ou trabalham na Casa Espírita
3- Tornar o ambiente da Casa Espírita menos restritivo
4- Propor práticas e métodos que auxiliem no processo de inclusão na Casa Espírita
CARGA HORÁRIA: 14 horas
PÚBLICO ALVO: Estudantes e Trabalhadores Espíritas.

5.UNIDADE RESPONSÁVEL: COJUV

AÇÃO/PROJETO 2: OFICINA DE PROTAGONISMO JUVENIL
DIRETRIZ- 6: A UNIÃO DOS ESPÍRITAS E A UNIFICAÇÃO DO MOVIMENTO
OBJETIVOS:
1- Promover e estimular a integração do jovem “consigo mesmo, com o próximo e com Deus”, bem como no conjunto de atividades dos Centros e do Movimento Espíritas;
2- Conversar sobre o que define o jovem hoje e quais suas dificuldades, medos, expectativas, sonhos e aspirações, visando auxiliar na consolidação de ações evangelizadoras efetivas junto aos jovens e às juventudes;
3- Refletir sobre novas formas de compreensão do jovem, a partir de seus anseios, necessidades, interesses e expectativas, respeitando-o como sujeito ativo na ação educativa;
4- Possibilitar um espaço em que os evangelizadores/coordenadores de Juventudes/Mocidades Espíritas possam auscultar a si mesmos, revendo suas práticas, impondo atenção especial e coerente aos processos pedagógicos, para que possam construir caminhos que permitam avançar em estratégias e ações coerentes com as novas concepções de juventude, contemplando verdadeiramente o protagonismo juvenil.
CARGA HORÁRIA: 4 horas
PÚBLICO ALVO: Jovens participantes de Juventudes, estudantes, trabalhadores Espíritas;

ÁREA DE ESTUDOS DOUTRINÁRIOS

6.UNIDADE RESPONSÁVEL: COESD

AÇÃO/PROJETO 1: CURSO DE FORMAÇÃO E ATUALIZAÇÃO PARA FACILITADORES DA APRENDIZAGEM DE GRUPOS DE ESDE / EADE -2016
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Oportunizar ao movimento espírita paraense um curso de formação e qualificação de novos trabalhadores para assumir a tarefa de facilitador da aprendizagem dos grupos de estudos na Casa Espírita.
CARGA HORÁRIA: 50 horas
PÚBLICO ALVO: Coordenadores de Grupos de Atividades Espíritas.

ÁREA DE ATENDIMENTO ESPIRITUAL

7.UNIDADE RESPONSÁVEL: COESP

AÇÃO/PROJETO 1: CURSO DE FORMAÇÃO E ATUALIZAÇÃO DE APLICADORES DE PASSE
DIRETRIZ- 4: A ADEQUAÇÃO DOS CENTROS ESPÍRITAS PARA O ATENDIMENTO DE SUAS FINALIDADES
OBJETIVO: Contribuir na formação de trabalhadores voluntários para atuarem como aplicadores de passe, nas diversas atividades do passe.
CARGA HORÁRIA: 10 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores e Estudantes Espiritas (ESDE)

8.UNIDADE RESPONSÁVEL: COESP

AÇÃO/PROJETO 1: CURSO DE RECEPÇÃO
DIRETRIZ- 4: A ADEQUAÇÃO DOS CENTROS ESPÍRITAS PARA O ATENDIMENTO DE SUAS FINALIDADES
OBJETIVO: Capacitar novos trabalhadores para saber acolher, atender e encaminhar as pessoas que buscam a casa espírita e trabalhadores espíritas.
CARGA HORÁRIA: 5 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores e Estudantes Espiritas (ESDE)

9.UNIDADE RESPONSÁVEL: COESP

AÇÃO/PROJETO 1: CURSO DE ORIENTAÇÃO E ATENDIMENTO FRATERNO INICIAL
DIRETRIZ- 4: A ADEQUAÇÃO DOS CENTROS ESPÍRITAS PARA O ATENDIMENTO DE SUAS FINALIDADES
OBJETIVO: Acolher as pessoas, por meio de ações fraternas e continuadas, de conformidade com os princípios do Evangelho à luz da Doutrina Espírita.
CARGA HORÁRIA: 10 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores e Estudantes Espiritas

ÁREA DA ASSISTÊNCIA E PROMOÇÃO SOCIAL

10.UNIDADE RESPONSÁVEL: COASS

AÇÃO/PROJETO 1: CURSO BÁSICO ECCET – ESPAÇO DE CONVIVÊNCIA, CRIATIVIDADE, EDUCAÇÃO E TRABALHO
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar os interessados em trabalhar na Assistência Social da Casa Espírita com a concepção do Espaço de Convivência.
CARGA HORÁRIA: 6 horas
PÚBLICO ALVO: Candidatos ao trabalho de Assistência, indicados pela direção da Casa Espírita.

11.UNIDADE RESPONSÁVEL: COASS

AÇÃO/PROJETO 2: OFICINAS NA ÁREA DE ASSISTÊNCIA E PROMOÇÃO SOCIAL ESPÍRITA
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar continuadamente os trabalhadores da assistência do movimento Espírita do Pará.
CARGA HORÁRIA: 4 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores da Assistência.

ÁREA DA ORGANIZAÇÃO E FISCAL DAS CASAS ESPÍRITAS

12.UNIDADE RESPONSÁVEL: COORG

AÇÃO/PROJETO 1: CAPACITAÇÃO DE DIRIGENTES ESPÍRITAS E ESCLARECIMENTO DO CALENDÁRIO FISCAL
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar os candidatos a dirigentes esclarecidos de Casas Espiritas.
CARGA HORÁRIA: 9 horas
PÚBLICO ALVO: Candidatos ao trabalho de direção de Casa Espírita.

13.EVENTO 2: OFICINAS ADMINISTRATIVAS E FISCAIS

DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar continuadamente dirigentes espíritas e trabalhadores candidatos a dirigentes espíritas quanto ao processo de administração das organizações religiosas do ponto de vista jurídico e contábil com esclarecimentos quanto a sua estrutura e funcionamento.
CARGA HORÁRIA: 9 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores e dirigentes espíritas.

ÁREA DA MEDIUNIDADE

14.UNIDADE RESPONSÁVEL: COAME

AÇÃO/PROJETO 1: SEMINÁRIO - ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DAS REUNIÕES MEDIÚNICAS
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Promover a qualificação dos participantes ao trabalho mediúnico, sua organização e o seu funcionamento.
CARGA HORÁRIA: 8 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores e estudantes da mediunidade; dirigentes de casa.

15.UNIDADE RESPONSÁVEL: COAME

AÇÃO/PROJETO 2: OFICINA - DIREÇÃO E ESCLARECIMENTO DAS REUNIÕES MEDIÚNICAS
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Aprofundar conhecimentos em torno do diálogo com os espíritos, através do estudo e da prática, bem como, na condução do grupo mediúnico.
CARGA HORÁRIA: 4 horas
PÚBLICO ALVO: Dirigentes e esclarecedores de grupos mediúnicos; estudantes e trabalhadores da mediunidade; dirigentes de casa.

16.UNIDADE RESPONSÁVEL: COAME

AÇÃO/PROJETO 3: ENCONTRO - AVALIAÇÃO DAS REUNIÕES MEDIÚNICAS
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Estudar e refletir sobre a dinâmica de avaliação de uma reunião mediúnica, o grupo e seus participantes, estimulando e formação desse hábito como de fundamental importância para o processo educativo individual e grupal.
CARGA HORÁRIA: 4 horas
PÚBLICO ALVO: Dirigentes e esclarecedores de grupos mediúnicos; estudantes e trabalhadores da mediunidade; dirigentes de casa.

ÁREA DA COMUNICAÇÃO SOCIAL ESPÍRITA

17.UNIDADE RESPONSÁVEL: DECOM

AÇÃO/PROJETO 1: CURSO BÁSICO DE GESTÃO DO DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL ESPÍRITA
DIRETRIZ- 3: A COMUNICAÇÃO SOCIAL ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar os participantes quanto à gestão da atividade como um todo para tomada de decisões e convivência entre os voluntários.
CARGA HORÁRIA: 8 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores de CRE e casa espírita, interessados em trabalhar na área de Comunicação Social Espírita, atuante ou não.

18.UNIDADE RESPONSÁVEL: DECOM

AÇÃO/PROJETO 2: OFICINAS INSTRUMENTAIS
DIRETRIZ- 3: A COMUNICAÇÃO SOCIAL ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar continuadamente os trabalhadores quanto ao aprendizado técnico das ferramentas utilizadas na divulgação, visando o aumento e fortalecimento da atividade no Estado do Pará.
CARGA HORÁRIA: 8 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores de CRE e casa espírita, interessados em trabalhar na área de Comunicação Social Espírita, atuante ou não.

19.UNIDADE RESPONSÁVEL: DECOM

AÇÃO/PROJETO 2: IMPLANTAÇÃO DA ÁREA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL ESPÍRITA
DIRETRIZ- 3: A COMUNICAÇÃO SOCIAL ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar os trabalhadores para a criação e implementação da área de Comunicação Social Espírita no CRE ou Centro Espírita, visando o aumento e fortalecimento da atividade no Estado do Pará.
CARGA HORÁRIA: 8 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores de CRE e casa espírita, interessados em criar a área de Comunicação Social Espírita.

ÁREA DE SERVIÇOS

20.UNIDADE RESPONSÁVEL: SERCO

AÇÃO/PROJETO 1: CAPACITAÇÃO - INFRAESTUTURA DE EVENTOS ESPÍRITAS
DIRETRIZ- 7: A CAPACITAÇÃO DO TRABALHADOR ESPÍRITA
OBJETIVO: Capacitar trabalhadores de diversas áreas do MOVESP para atuar na infraestrutura de eventos espíritas, tais como feira de livro, EIMEP, Congresso, EIMEPINHOS e outros.
CARGA HORÁRIA: 8 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores de CRE e casa espírita, interessados em trabalhar na área de Comunicação Social Espírita, atuante ou não.

ÁREA DA ARTE ESPÍRITA

21.UNIDADE RESPONSÁVEL: COART

AÇÃO/PROJETO 1: CURSO “CONVIVENDO COM A ARTE NA CASA ESPÍRITA”
DIRETRIZ- 1: A ARTE ESPÍRITA E SEU CARÁTER EDUCATIVO
OBJETIVO: Discutir e refletir sobre o papel educador e transformador da Arte Espírita.
CARGA HORÁRIA: 12 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores da Casa Espírita

22.UNIDADE RESPONSÁVEL: COART

AÇÃO/PROJETO 2: PALESTRA CANTADA “ARTE ESPÍRITA: A BORBOLETA QUER VOAR”
DIRETRIZ- 1: A ARTE ESPÍRITA E SEU CARÁTER EDUCATIVO
OBJETIVO: Discutir e refletir sobre o papel educador e transformador da Arte Espírita.
CARGA HORÁRIA: 1 hora
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores e frequentadores da Casa Espírita

23.UNIDADE RESPONSÁVEL: COART

AÇÃO/PROJETO 3: CURSO “RECURSOS ARTÍSTICOS NA EVANGELIZAÇÃO”
DIRETRIZ- 1: A ARTE ESPÍRITA NA CASA ESPÍRITA
OBJETIVO: Orientar, apoiar e propiciar discussões sobre recursos que possibilitem o fazer artístico no contexto das atividades da Casa Espírita.
CARGA HORÁRIA: 12 horas
PÚBLICO ALVO: Trabalhadores da Casa Espírita

24.UNIDADE RESPONSÁVEL: COART

AÇÃO/PROJETO 5: CAMPANHA “QUE ARTE É A SUA?”
DIRETRIZ- 4: A ARTE ESPÍRITA E O ARTISTA
OBJETIVO: Levantamento de dados sobre o panorama artístico espírita do Pará.
CARGA HORÁRIA: Contínuo
PÚBLICO ALVO: Artistas e grupos espíritas.